OSCAR 1998: TITANIC X LOS ANGELES – CIDADE PROIBIDA

Seguindo minha comparação entre o vencedor do Oscar de Melhor filme e aquele que eu considerei como a melhor produção do ano, chega à vez do ano de 1997 (Premiação em 1998). Qualquer análise fria a respeito da safra de 1997 perde completamente o sentido sem a devida contextualização. Revendo hoje, tantos anos depois, fica mais fácil apontar “Los Angeles – Cidade Proibida” e “Contato” como filmes superiores ao vencedor do Oscar. Mas o fato é que “Titanic” foi um sucesso tão avassalador de crítica e público que era praticamente impossível não vencer tudo naquele ano. Ano, aliás, que trouxe ainda excelentes filmes como “Boogie Nights”, “Jackie Brown”, “Cop Land” e “Gênio Indomável”, além dos lindíssimos “A Vida é Bela” e “Central do Brasil”, que travaram uma batalha a parte pelo prêmio de filme estrangeiro (adoro “Central do Brasil”, mas considerei justa a escolha da obra-prima italiana). Uma ótima safra, sem dúvida.

Porque “Titanic” é melhor?

Como um filme que classifiquei como “obra-prima” pode ser pior do que um filme que não recebeu este selo? Resposta: não pode. No entanto, eu seria hipócrita demais ao dizer hoje, mais de uma década depois, que votaria em “Los Angeles” naquele Oscar. Ainda que compreenda as qualidades narrativas superiores do filme de Curtis Hanson, não posso negar que o fenômeno “Titanic” foi algo raro, destes momentos que ficam marcados na história do cinema. Assim, meu voto seria para o filme de James Cameron, por mais que “Los Angeles” seja de fato um filme superior. Mas isto não chega a ser um pecado, não é mesmo? “Titanic” continua sendo um belíssimo filme, tecnicamente perfeito e dramaticamente envolvente, apesar dos clichês. E se o Oscar é resultado de marketing e política, sinto-me no direito de ao menos uma vez votar com o coração e não com a razão. Se você discorda, tudo bem. Eu também adoro “Los Angeles”. Ah, e ainda tem “Contato” hein? Que ano!

E pra você, qual o melhor filme de 1997 e por quê?

Um abraço e bom debate.

TitanicLos Angeles - Cidade ProibidaTexto publicado em 27 de Novembro de 2013 por Roberto Siqueira

Anúncios

5 Respostas to “OSCAR 1998: TITANIC X LOS ANGELES – CIDADE PROIBIDA”

  1. Lucas Moreira Says:

    Entre esses dois ainda fico com Titanic, mas tambem gosto demais de O Quinto Elemento.

  2. Arthur Wagner Vilela Says:

    para mim Los Angeles – Cidade Proibida foi o melhor,o roteiro,fotografia e atuaçoes foram muito melhores,nao tirando o merito de titanic mas…Não sei,talvez pelo fato de eu ser um grande fã do estilo Noir,como no filme Chinatown..meu voto seria pra Los angeles

  3. Mateus Aquino Says:

    Entre esses dois eu ia em Titanic também. Mas sei lá, 97 em geral é muito complicado, colocaria Gênio Indomável, Titanic e A Vida é Bela na disputa. Teria que eliminar Gênio Indomável, mesmo sendo belo, se for pra pegar por um lado racional, é mesmo um pouco inferior à Titanic e A Vida é Bela. Eu acho que ficaria com A Vida é Bela, pois acho que tem atuações superiores (atuação monstra do Benigni), uma bela narrativa, e uma baita homenagem a Chaplin, no meu ponto de vista. OPs.

    • Roberto Siqueira Says:

      É uma ótima escolha, sem dúvida Mateus. Adoro “A Vida é Bela”.
      Um abraço e obrigado pelo comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: